Congresso Brasileiro do Sono

Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

ALTERAÇÕES DO SONO EM ENFERMEIROS DE PRONTO SOCORRO

Introdução

O sono é uma necessidade humana fundamental para a saúde e qualidade de vida de qualquer indivíduo. No entanto, alguns fatores podem dificultar essa qualidade. A associação à insônia é multifatorial, sendo essa favorecida por determinantes como ansiedade, uso e medicamentos, idade elevada, condições ocupacionais e etc. Dentro dessas condições de trabalho desfavoráveis encontram-se os enfermeiros de pronto socorro, submetidos a inúmeras situações de pressão e estresse, turno de trabalhos invertidos, bem como momentos de repousos incompatíveis com seu ciclo circadiano. Ciclo esse que também pode ser alterado por mudanças no horário de refeições, pela elevada privação do sono que o ofício requer, e ainda a pluralidade de vínculos empregatícios aos quais esses profissionais estão propensos. Gerando inúmeros determinantes possíveis desencadeadores da insônia nesses indivíduos.

Objetivo

A grosso modo a insônia é definida como uma alteração do sono, caracterizada pela dificuldade de iniciar ou manter o sono, ou de um despertar precoce. Acredita-se que enfermeiros atuantes de pronto socorro são fortes candidatos a apresentarem alterações do sono. Com isso o objetivo geral deste projeto é:
- Conhecer as alterações do sono de enfermeiros de pronto socorro;
Objetivos específicos:
-Estimar a prevalência de insônia nesses indivíduos;
-Identificar quais os fatores estão associados a insônia desses profissionais.

Métodos

Os indivíduos a serem estudados serão enfermeiros atuantes do pronto socorro do Hospital Regional Tarcísio de Vasconcelos Maia, da cidade de Mossoró, Rio Grande do Norte. Os instrumentos de coletas de dados serão: índice de gravidade de insônia; Escala de sonolência de EPWORTH e Índice de qualidade do sono de PITTSBURGH. Os dados serão analisados através de estatística.

Resultados

Sem resultados

Conclusões

Ainda não há conclusões, mas trabalha-se na hipótese de que esses profissionais sofrem com a insônia e que podem apresentar ainda outros transtornos do sono em detrimento de seu ofício.

Palavras-chave

Insônia; Privação do sono; Transtornos.

Área

Projeto

Autores

Marina Jesus Paiva, Edivanio Rocha Paiva